Conheça a História da Marca Yves Saint Laurent

Yves Saint Laurent é um dos nomes mais significativos da alta costura do século XX. Nascido em 1936, o designer é natural da Argélia, possessão francesa na época. Filho do presidente de uma seguradora, Yves teve o gosto pela moda despertado por sua mãe.

Com apenas 18 anos, ficou em primeiro lugar em um concurso promovido pela International Wool Secretariat. Os desenhos do vencedor chamaram a atenção da icônica Vogue Francesa, o que abriu as portas para que, logo depois, deixasse sua família e passasse a trabalhar na Casa Dior.

Com apenas 21 anos de idade, herdou o controle criativo da maison, após a morte de de Christian Dior, sua grande influência em matéria de estilo. Na ocasião, assumiu o grande desafio de salvar a grife da falência, e com sucesso.

A moda de Yves Saint Laurent

Como foi discípulo da Dior, muitas de suas influências se devem aos anos de experiência que teve por lá. Permaneceu na maison até o ano de 1960, quando foi convocado para o serviço militar na Argélia.

Yves Saint Laurent, o grande herói fashionista de seu tempo, protagonizou o primeiro caso de amor público gay em toda a França. Em conjunto com seu marido, Pierre Bergé, fundou a própria marca, homônima.

Nos anos que se seguiram, o designer se tornaria um dos mais icônicos de todo o mundo por seu refinamento e habilidade na alta costura. Um de seus grandes lançamentos foi o smoking feminino, criação consagrada até os dias de hoje, uma grande contribuição para a moda contemporânea.

O futuro da marca

Depois de ser o primeiro a popularizar o prêt-à-porter, com peças de bom corte com preços mais acessíveis do que a alta costura e ser o primeiro estilista do mundo a utilizar modelos negras em seus desfiles, Yves Saint Laurent já estava à frente de seu tempo.

Por mais de 40 anos, foi símbolo máximo de sofisticação e bom gosto. Em 2002, anunciou que estava se aposentando do mundo da moda, fazendo um desfile de retrospectiva de sua trajetória no universo fashion. Faleceu em Paris, em 2008, vítima de um câncer no cérebro.

Para honrar a história da marca, dois templos dedicados ao trabalho de Yves Saint Laurent foram inaugurados. Um em Paris — onde costumava ficar o ateliê da maison — e outro em Marrakech, no Marrocos. A preservação do legado da marca é o principal objetivo das construções.

Para saber mais sobre a história de grandes ícones do mundo da moda continue acompanhando o Pretty News!

FacebookTwitterGoogle+

Comentários